sábado, 24 de julho de 2010

Macacos Alegres


Esqueceram-se de manter a falsa seriedade. Senhores, o que vos leva a ser hipócritas? Reparem na vossa máscara a cair lentamente, pois o efeito da vergonha é lento, muito lento. Todos poderão esquecer, mas sois vós senhores que nunca ireis esquecer, pois a humilhação é eterna.
Reparem que as vossas almas não se encontram sozinhas, reparem que não sois os únicos a merecer conforto. Senhores, já basta de injustiça! 
Achar que a desgraça alheia é um assunto trivial faz de vós ascendentes dos macacos, faz de vós seres inferiores a macacos, faz de vós seres cuja infelicidade é não serem dotados de evolução.

Desenhado em papel, digitalizado, melhoramento do traço em Illustrator e colorização em Photoshop.

Joaquim Saavedra (Kinhe)

sábado, 17 de julho de 2010

Transformações Contraditórias


Transformações contraditórias, o que seremos nós para além de um conjunto variado de transformações contraditórias. Contradizemo-nos com a nossa evolução, evoluímos para humilhar o passado.
O que é o passado se não um conjunto de factos ridículos que nos faz parecer bastante evoluídos no presente.
No futuro transformar-me-ei e acharei tudo isto ridículo, porque isto será o passado.



Desenhado em papel, digitalizado, melhoramento do traço em Illustrator e colorização em Photoshop.


Joaquim Saavedra (Kinhe)

segunda-feira, 12 de julho de 2010

Tripla Personalidade

A verdade em que acreditamos é uma escolha.
Mas o que constrói essa escolha?
A ignorância? 
Encontramos certas situações em que há mais que uma escolha, ou seja, mais que uma verdade.
Ao escolhermos uma verdade estaremos a tomar as outras verdades como mentiras?


Desenhado em Papel, digitalizado, melhoramento do traço no Illustrator e colorização no Photoshop.

 Joaquim Saavedra (Kinhe)